Saiba como os programas de trilha de aprendizagem podem ajudar no treinamento da sua empresa

A educação corporativa tem ganhado dispositivos e ferramentas que facilitam o treinamento e a aprendizagem dos colaboradores, entre elas estão as trilhas de aprendizagem, método que estimula o aprendizado através de conteúdos mistos. 

A ferramenta transformou o conteúdo em cursos e treinamentos que permitem a máxima participação dos colaboradores, possibilitando um aprendizado autônomo e eficiente. Veja como os programas de trilhas de aprendizagem tem contribuído para a educação empresarial dos colaboradores. Continue a leitura! 

O que são trilhas de aprendizagem? 

Trilhas de aprendizagem são uma série de atividades em sequência, que visam a capacitação e aprendizagem de novos conhecimentos para os colaboradores de uma empresa. O responsável pela criação das tarefas é um gestor, ele também desenvolve a metodologia com base nas competências que pretende desenvolver ou criar nos funcionários que participarão do treinamento. 

É importante reforçar que as trilhas de aprendizagem incentivam o conhecimento contínuo, monitorando o pré e o pós treinamento. Outro diferencial das trilhas está na composição de materiais dinâmicos como: vídeos, jogos, podcasts, testes de habilidade, infográficos e demais conteúdos que contribuam para o ensino. 

Vantagens das trilhas de aprendizagem

 

1 . Autonomia 

Uma tendência que vem sendo seguida na educação tradicional, que chegou na aprendizagem dos colaboradores é, a autonomia no desenvolvimento. Os colaboradores que decidem aprender por iniciativa própria conseguem absorver melhor o conteúdo ensinado. Um programa com trilhas de aprendizagem permite que o funcionário tenha contato com os materiais em horários alternados, incentivando que ele aprenda conforme seu desenvolvimento. 

2 . Mais engajamento

Nós sempre falamos sobre a importância do engajamento para a saúde das empresas, sendo assim, esse modelo de aprendizagem possibilita que o colaborador tenha um novo aprendizado e consiga colocar em prática o conteúdo visto. É comprovado que funcionários que conseguem desenvolver habilidades específicas e veem melhores resultados em seu trabalho se sentem mais motivados. 

3 . Aprendizado contínuo 

Conhecimento nunca é demais, acredito que você já deve ter escutado essa fase. É certo que precisamos adotar o lifelong life, ou seja, o aprendizado contínuo em nossas vidas, pois sabemos que o conhecimento vem não só da graduação, mas do compartilhamento de ideias e do contato com novos assuntos. As trilhas de aprendizagem são uma oportunidade de aprender constantemente, já que os gestores podem alimentar continuamente o programa oferecido para os colaboradores.

 Kaptiva

Veja como criar um programa de aprendizagem para a sua empresa

 

  • Entenda as necessidades da sua empresa

É preciso fazer um levantamento  de necessidades de treinamento, a partir disso, o gestor vai conseguir determinar os conteúdos que vão ser passados para os colaboradores. Outro ponto é que a partir das necessidades da empresa também serão definidas a metodologia e práticas educacionais que vão trazer os melhores resultados para o time. 

Para isso procure entender o que a sua empresa precisa neste momento e como o aprendizado pode contribuir para a solução desse problema. 

  • Defina o melhor modelo de aprendizagem

As trilhas de aprendizagem possuem dois modelos: linear e agrupado. O primeiro modelo, como o próprio nome já diz, acontece com os materiais em uma sequência uniforme e que deve ser seguida pelo colaborador. Ou seja, o colaborador precisa cumprir a primeira tarefa para poder passar para a segunda e assim por diante. Neste modelo, o gestor é detentor do processo que os funcionários vão trilhar. 

Já no segundo, os conteúdos não seguem uma ordem específica e os colaboradores podem fazer as atividades conforme o interesse, mas ainda assim, todas as tarefas devem ser cumpridas. Aqui o colaborador é o principal responsável pelo aprendizado. É bastante comum que este modelo seja aplicado em assuntos que não precisam de uma linearidade. 

  • Criação de conteúdo

Como comentamos, uma das principais diferenças neste modelo é a possibilidade de um mix de conteúdos. Nas trilhas de aprendizagem, o conhecimento pode ser apresentado em vídeos, apostilas separadas em módulos, apresentações animadas e outros. 

Apostar em materiais diversificados vai facilitar o aprendizado e absolvição dos colaboradores. Procure inserir vídeos curtos e de temas únicos. Outra dica é apostar em quizzes nos vídeos para garantir a atenção do funcionário. 

Em um mercado competitivo, utilizar ferramentas que possibilitem aprimorar as competências e desenvolvimento de habilidades dos colaboradores é uma vantagem estratégica importante. Por fim, é importante que a empresa tenha um planejamento conciso e claro sobre as dificuldades dos funcionários para aproveitar as trilhas de aprendizagem de forma eficiente. 

Para saber mais sobre o assunto, continue acompanhando o nosso blog! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *