A sua empresa está preparada para o mundo Bani?

Não é segredo que a pandemia de Covid-19 transformou as nossas relações interpessoais, a maneira como trabalhamos, estudamos e até mesmo os nossos relacionamentos. E, no mundo corporativo, se antes estávamos acostumados com o mundo Vuca, com volatilidade, complexidade, ambiguidade e incertezas, agora temos o conceito Bani. 

Se antes acreditava-se que a tecnologia era importante para a construção de novos negócios, com a chegada do mundo Bani, esse cenário sofre alterações significativas e promove uma sociedade que precisa lidar com a fragilidade, ansiedade e não linearidade dos processos.

Quer saber como se preparar para o mundo Bani? Continue lendo o artigo!

O que é o mundo Bani?

Engana-se quem acredita que o mundo Bani chegou com a pandemia de Covid-19, lá em 2018, quando o mercado empresarial notou que estava passando por uma transformação de volatilidade para agilidade, da incerteza para ansiedade, da complexidade para a não linearidade e da ambiguidade para a incompreensão. Em 2020, no primeiro ano da pandemia, o conceito ganhou ainda mais força, a palavra Bani é um acrônimo que vamos explorar a seguir. 

 

  • Bittle – Frágil

 

Se no mundo Vuca, as organizações já conviviam com a fragilidade do mercado, nas sociedades pós-pandemia isso aumenta ainda mais. Atualmente, convivemos com a incerteza, as pessoas estão com medo de perder seus empregos, a economia muda de uma hora para outra e doenças como a covid-19 colocam o mundo inteiro em isolamento social. Por isso, as pessoas estão construindo o plano B com mais frequência.

 

  • Anxious – Ansioso

 

Não sabendo o que esperar para os próximos meses, os colaboradores se tornam cada vez mais ansiosos. Funcionários ansiosos possuem dificuldade em tomar decisões mais assertivas, pois o mundo Bani não permite uma previsão dos acontecimentos.

 

  • Non-linear – Não linear

 

Com a incerteza acerca dos próximos anos, grandes planejamentos acabam não fazendo sentido, pois ninguém tem controle sobre as ações que estão ocorrendo em simultâneo nas economias mundiais.

 

  • Incomprehensible – incompreensível

 

Por fim, o excesso de informações e a velocidade crescente faz com que elas chegam até as pessoas e produzem incerteza de como agir. Com isso, os colaboradores possuem informações demais, porém, não conseguem filtrar as que são necessárias.

Kaptiva

Mundo Vuca X Mundo Bani

Alguns estudiosos acreditam que o mundo Vuca está defasado pelas mudanças que a sociedade sofreu a partir de 2018, principalmente com a aceleração dos processos de informações e tecnologias desenvolvidas. 

Porém, a volatilidade ainda faz parte da nossa vida e molda grande parte das nossas relações, o que acaba por promover a fragilidade nos negócios.

Em síntese, o mundo Vuca diz que há inúmeros fatores interligados e que eles geram consequências na vida em sociedade, porém não é possível ter uma resposta pronta para lidar com as nossas ações quando elas chegarem. 

Por outro lado, o mundo Bani nos alerta sobre a sobrecarga de informações, que permite um número menor de decisões assertivas, afinal ela gera insegurança e incerteza. Mas, ainda que as dificuldades aumentem, a tecnologia vem para auxiliar os processos internos e facilitar o nosso cotidiano.

Como preparar os colaboradores para o mundo Bani?

Para que os funcionários consigam lidar com as incertezas geradas pelo momento que estamos presenciando, algumas habilidades e competências precisarão ser desenvolvidas na equipe. Antes de mais nada, é importante entender que os colaboradores possuem uma vida pessoal e que ela pode ter impacto positivo ou negativo na área profissional.

Pensando em reduzir as consequências do mundo Bani, as empresas devem adotar estratégias com carga horária de trabalho reduzida, programas de capacitação profissional, disponibilização de benefícios que condizem com as necessidades dos funcionários, salários de acordo com a posição exercida e dar mais atenção para as soft skills.

Em um mundo não linear, precisamos ter resiliência para entender os processos e flexibilidade para lidarmos com as incertezas trazidas pelas informações do nosso tempo, se antes os processos analógicos eram predominantes, hoje em dia quase não são usados.

Para a sua empresa não ficar para trás das novidades e tendências do ambiente corporativo, continue acompanhando os nossos artigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *